Você já revisou seu plano de negócios empresarial para 2018?

nao exclusivo

Um plano de negócios empresarial é uma ferramenta de gestão que serve como um guia para que seja feito o planejamento de um empreendimento, seja:

  • Uma ação mercadológica;
  • Ampliação de uma unidade de negócio.

Tendo este grande parceiro ao alcance das mãos, o empreendedor consegue ter uma melhor compreensão sobre qual a realidade em que está inserido, de uma forma a ser capaz de determinar quais as estratégias que devem ser adotadas em diferentes momentos, principalmente, para planejamento de ações futuras.

Algumas pessoas acreditam que o plano de negócios empresarial já está morto, porém, ele se modernizou, ganhando contornos mais práticos.

Essa mudança veio de um longo acompanhamento da evolução do mercado como um todo. Antigamente, os investidores tinham como preferência realizar investimentos em planos minuciosos, impecáveis.

Atualmente, os melhores planos de negócio empresariais são evoluções de testes rápidos que mostraram bons prognósticos de resultado.

E você já revisou seu plano de negócios empresarial para 2018?

A importância do plano de negócios empresarial

Para ações como:

  • Construir uma casa;
  • Organizar uma festa;
  • Viajar para o campo ou para o litoral.

É preciso fazer um plano de negócios empresarial muito cuidadoso. Isso quer dizer que, a casa, a festa e a viagem são coisas que não vão acontecer apenas pelo fato de você desejar, mesmo que seja um desejo muito forte.

Ideias assim nascem para que elas tenham a possibilidade de se tornar real e, para isso, é necessário construí-las passo a passo.

Para que as ideias possam ser organizadas, é preciso fazer uso de um plano de negócios.

Dentro do mundo dos empreendedores, este é o seu mapa de percurso. O plano de negócios empresarial é o que será capaz de te orientar na busca por informações detalhadas sobre:

  • O ramo;
  • Produtos e os serviços a serem oferecidos;
  • Possíveis clientes;
  • Concorrentes;
  • Fornecedores;
  • Pontos fortes e fracos do negócio.

Gerando uma contribuição maior para a identificação da viabilidade da ideia e na gestão da empresa.

Tipos de modelo de negócio

  • Modelo Freemium: O Modelo Freemium oferece um produto ou serviço digital que seja gratuito como maneira de atrair um alto volume de usuários, mas com o objetivo de convertê-los em usuários que paguem por meio de uma opção premium com mais recursos.
  • Modelo Cauda Longa: O Modelo Cauda Longa (Long Tail) funciona ao vender uma variedade grande de produtos de nicho, os quais vendem pouco individualmente, mas que, no total, geram alto valor em vendas.
  • Modelo Marketplace: O Modelo Marketplace funciona ao deixar disponíveis produtos de vários vendedores em um único ambiente virtual. Geralmente, em um e-commerce de grande porte, que pode ou não vender produtos próprios mas que, sobretudo, tem um alto volume de usuários que frequentam e confiam em sua marca.
  • Modelo All You Can Eat: O Modelo All You Can Eat (AYCE), que em português que dizer “coma o quanto puder” (ou Buffet-Livre), é um modelo de negócio que funciona ao dar permissão para que clientes consumam produtos ou serviços o quanto quiserem pagando um valor fixo (pagamento único ou recorrente).

Realizar seu plano de negócios empresarial é um passo muito importante na sua organização, por isso, ainda que pareça cedo, pois ainda estamos no meio de 2017, é preciso que você já comece a revisão desse plano.

O futuro da sua organização depende, principalmente, da forma como esse plano é elaborado. E ele precisa ter uma estrutura básica capaz de proporcionar todo o entendimento referente ao seu negócio como um todo.

Qualquer dúvida entre em contato conosco!

Sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *